Estamos no seu:
Lembrar Apelido TVid

Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

  • Tópico criado por: Chaplin
  • Páginas:
  • 1
  • 2
  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 01/12/2018 às 23:53
    Autor: Chaplin Offline

    Além de lançar a assinatura do Telecine independente da TV por assinatura, hoje a Globosat Play fez uma mudança no seu layout, deixando-o mais leve, mais liso, rodando e trocando de canais (no streaming) muito mais fácil e sem o mínimo de travamentos.

    Acho que está chegando o app dos canais Globosat sem a operadora de TV, mais cedo do que a gente imagina.

    O layout ficou um pouco diferente, mas não é difícil de se acostumar, pois os players de cada canal já aparecem num sistema rotativo vertical. Fácil, fácil.

    Provavelmente sua assinatura será mais barata que assinar junto com a operadora, o que é lógico.

    A pergunta que não quer calar também está vindo antes do que esperávamos. As produtoras estão se antecipando às novas produtoras anunciadas para 2019, como a Disney+, etc..

    E aí a pergunta:

    E as operadoras, o que farão no meio dessa guerra que já queimou a largada para 2019?

  • brpolidoro

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 02/12/2018 às 11:37
    Autor: brpolidoro Offline

    Bom, Disney e ESPN já estão no Playplus, e promete a dela própria, agora vai ser uma guerra de plataformas. Nossa.

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 02/12/2018 às 11:37
    Autor: Chaplin Offline

    Pessoal, volto a dizer, o aplicativo Globosat Play, está liso, leve, sem travamento algum. Mudou ontem e está muito bom.

    Leve, leve, leve... Vc assiste horas a fio sem travamentos. Essa mudança não foi à toa. Dezembro, no mais tardar janeiro, chegará o Globosat Play sem tv por assinatura. Imagem e som também foram melhorados.

  • Jonathan99

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 02/12/2018 às 14:49
    Autor: Jonathan99 Offline

    Era uma atualização que precisava ser feita, mas acho difícil sair um Globosat Play sem operadora agora. A ideia da Globo é incluir conteúdo da Globosat no Globoplay. O primeiro passo da mudança do Globoplay foi incluir séries internacionais.

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 02/12/2018 às 15:28
    Autor: Maravilha120 Offline

    Gostaria de saber se o combate já pode ser acessado por ele, e se não quando teremos o combate play pras tvs? Óbvio que me refiro aquele que igual o do sites, que é bem mais completo que o app.

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 02/12/2018 às 19:58
    Autor: lucianos Offline

    Engracado que no ano passado colocaram o combate play na minha tv sansung. Era uma 4k 40ju6000. Ficou poucos dias... acessei e assisti normalmente. Depois saiu o app. Achei que era por causa do modelo da tv. Depois o app nao voltou mais.

    Sobre app o combate tem app proprio.

  • dilribeiro

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 02/12/2018 às 22:01
    Autor: dilribeiro Offline

    Alguém consegue postar Fotos. O app não abre nem no iPad nem no iPhone

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 02/12/2018 às 23:10
    Autor: Phoenix60 Offline

    Em 01/12/2018, Chaplin escreveu:
    Acho que está chegando o app dos canais Globosat sem a operadora de TV, mais cedo do que a gente imagina. (...)

    Provavelmente sua assinatura será mais barata que assinar junto com a operadora, o que é lógico.



    A Globosat ja havia adiantado a pretensao de lançar um app para acesso aos seus canais independente da assinatura de um pacote de tv paga. Mas, assim como o Premiere, a ideia (ao menos no principio) é cobrar do assinante o mesmo preco das operadoras, para nao canibalizar as parceiras da programadora ate aqui.

    (Nota: Se o Premiere pela internet ficou mais barato do que o mesmo Premiere na Oi, como disseram, entao provavelmente deve ser porque a Oi deve cobrar do assinante um sobrepreço maior do que o "normal" sobre o que o pacote custa para ela... Porque na NET, pelo que sei, os precos estao +/- iguais)

    .

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 05/12/2018 às 22:09
    Autor: r2reis Offline

    Globoplay terá pacote com Telecine e Premiere

    Plataforma de streaming lança novo serviço de assinatura de séries e filmes. Usuário poderá escolher quais conteúdos quer assinar
    Silvia Amorim
    05/12/2018 - 04:30 / 05/12/2018 - 07:05

    SÃO PAULO - Maior plataforma brasileira de streaming , o Globoplay lançou no último sábado um novo serviço de assinatura de séries e filmes que permite agora a seus usuários comprarem conteúdo direto também do Telecine e do Premiere. O interessado poderá personalizar o próprio pacote, podendo assinar um, dois ou os três conteúdos. O preço da assinatura é a partir de R$ 24,90.

    O Globoplay reúne as produções originais Globo, além de filmes e séries internacionais renomadas, incluindo títulos exclusivos que só serão exibidos on-line. Algumas das séries internacionais que recentemente entraram na plataforma foram "The Good Doctor", "Killing Eve", "Charmed", "House", "Dawsons Creek", "A Million Little Things", "Marry Me", "Ben Hur" e "Bonnie & Clyde". Entre as nacionais, estrearam com exclusividade "Além da Ilha", "Assédio" e "Ilha de Ferro".

    De acordo com o diretor-geral do Globoplay, João Mesquita, a plataforma passou por forte investimento em conteúdo e tecnologia e terá como maior diferencial ser um produto "feito por brasileiros para brasileiros".

    -Foram 12 meses de trabalho intenso, fizemos grandes investimentos em tecnologia que nos permitiram chegar a essa nova plataforma de billing (cobrança) que permite a compra simultânea ou em separado de vários produtos do grupo.

    A principal mudança no serviço de streaming Globoplay é a liberdade dos usuários agora para montarem seu próprio pacote de assinatura.

    - Somos os únicos a fazer isso. Vivemos uma lógica diferente de negócio em relação à concorrência - afirmou Mesquita, durante apresentação em São Paulo do novo sistema de assinaturas.

    A plataforma Globoplay conta hoje, além das produções originais Globo, com cerca de 20 séries internacionais, seis séries brasileiras exclusivas e cem filmes internacionais. A previsão é que cem novas séries internacionais sejam adicionadas à plataforma até o fim de 2019.

    PUBLICIDADE

    -Do ponto de vista de conteúdo, fizemos um grande lançamento da série "The Good Doctor", nosso primeiro conteúdo internacional comprado com exclusividade. Desde então lançamos duas séries originais do Globoplay e produzidas pelos estúdios Globo, "Assédio" e "Ilha de Ferro". Nos próximos três meses vamos ter uma avalanche de novo conteúdo - afirmou Mesquita.

    Atualmente trafegam pelo Globoplay cerca de 20 milhões de usuários, entre gratuitos e assinantes.

    O usuário pagante tem a vantagem de não precisar assistir à publicidade para acessar o conteúdo, seja um filme, uma série ou um capítulo da novela. Outra novidade implementada pelo Globoplay para assinantes é o serviço de download de conteúdo para assistir onde quiser. Por enquanto, ele está disponível para produções nacionais.

    Maior capilaridade

    A oferta de assinaturas dos canais Telecine e Premiere sem passar pelas operadoras de TV a cabo, segundo Mesquita, tem como objetivo ampliar a capilaridade do serviço.

    Em relação a novas séries que chegarão à plataforma, a chefe de conteúdo do Globoplay, Bianca Serra, afirmou que ainda não pode divulgar os títulos.

    -Estamos fechando contratos. Muita coisa que já chegou ao mercado americano e não apareceu por aqui ainda chegará em breve.

    Clique aqui

  • kurkkyy

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 07/12/2018 às 20:45
    Autor: kurkkyy Offline

    Só falta agora atualizar o aplicativo da TV. Um lixo, no meio de um filme, por exemplo, o aplicativo fecha e depois abre novamente.

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 10/12/2018 às 08:48
    Autor: BielLewis Offline

    Em 02/12/2018, Jonathan99 escreveu:

    Era uma atualização que precisava ser feita, mas acho difícil sair um Globosat Play sem operadora agora. A ideia da Globo é incluir conteúdo da Globosat no Globoplay. O primeiro passo da mudança do Globoplay foi incluir séries internacionais.


    Exatamente isso, hoje a Globo tem um Play for de Julho para cá eles já atualizaram o valor 3 vezes se não me engano. E recentemente fez uma repaginação total no seu play, que favorece mais ainda uma migração ou uma inclusão. Hoje a Globo já tem o Gloob, vamos esperar os novos capítulos, creio que a Globo por ter a globoSat não irá gasta dinheiro fazendo dois plays diferentes acho que o globo play vai ser o principal canal de stream deles. Vai ficar feito uma Netflix com um único site, o que pode diferenciar é o modelo de assinatura e valores que podem ser comercializados pelo serviço.

    Hoje vejo um grande investimento nesse ramo, creio que o modelo de televisão por assinatura pode mudar daqui a alguns anos. E as operadores de televisão estão dando sinais para isso com os seus serviços de stream.

    Vale ressaltar também, que o custo para transmitir por satélite e a cabo os canais são meio custosos já com os stream os custos são um pouco menores. O que pode dificultar é a falta de qualidade aqui no brasil da nossa internet diferentemente de outros países que a qualidade é bem superior a nossa.

    Mas não acredito que as operadores de televisão por assinatura vão acabar, é somente uma adaptação. Já que as receitas de televisão, vem caindo com o tempo.

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 10/12/2018 às 08:55
    Autor: BielLewis Offline

    Exatamente isso, possivelmente em breve terá uma união disso tudo em único aplicativo. Pois não tem necessidade de gastar em vários aplicativos, se tem um com vários assinantes.


  • THECONECTV

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 11/12/2018 às 18:55
    Autor: THECONECTV Offline

    Vai começar a Guerra de Apps , de um lado Netflix, Disney + e Warner( Em breve) de outro lado PlayPlus, Telecine Play e com certeza Globosat Play ( em breve) , ai eu pergunto a internet no Brasil é uma das melhores do Planeta SQN kkk , se for somar cada valor de cada Plataforma de Streaming com certeza da o valor de uma mensalidade de TV Por assinatura, na minha opniao deveria ser feito um reseta geral nas operadoras tirar aquele monte de porcarias e refazer tudo de novo e ai incluir tudo em um so lugar ...

  • aapc01

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 11/12/2018 às 19:03
    Autor: aapc01 Offline

    Em 11/12/2018, THECONECTV escreveu:

    Vai começar a Guerra de Apps , de um lado Netflix, Disney + e Warner( Em breve) de outro lado PlayPlus, Telecine Play e com certeza Globosat Play ( em breve) , ai eu pergunto a internet no Brasil é uma das melhores do Planeta SQN kkk , se for somar cada valor de cada Plataforma de Streaming com certeza da o valor de uma mensalidade de TV Por assinatura, na minha opniao deveria ser feito um reseta geral nas operadoras tirar aquele monte de porcarias e refazer tudo de novo e ai incluir tudo em um so lugar ...


    a ideia quem deu foram os próprios assinantes

    e não vai ficar o preço da assinatura de tv paga, fica sim muito mais caro

    mas, se ninguém gosta da tv paga, por que vão inventar uma tv paga no streaming?

    a tv paga é desse jeito, com vários canais que ninguém assiste para equilibrar o repasse do custo ao assinante. os preços em uma tv paga por blocos ou canais seria exatamente esses que estão sendo cobrados pelo streaming

    aí não consigo entender... só estão fazendo o que pediram... eheh

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 12/12/2018 às 00:16
    Autor: Chaplin Offline

    Em 11/12/2018, aapc01 escreveu:

    Em 11/12/2018, THECONECTV escreveu:

    Vai começar a Guerra de Apps , de um lado Netflix, Disney + e Warner( Em breve) de outro lado PlayPlus, Telecine Play e com certeza Globosat Play ( em breve) , ai eu pergunto a internet no Brasil é uma das melhores do Planeta SQN kkk , se for somar cada valor de cada Plataforma de Streaming com certeza da o valor de uma mensalidade de TV Por assinatura, na minha opniao deveria ser feito um reseta geral nas operadoras tirar aquele monte de porcarias e refazer tudo de novo e ai incluir tudo em um so lugar ...


    a ideia quem deu foram os próprios assinantes

    e não vai ficar o preço da assinatura de tv paga, fica sim muito mais caro

    mas, se ninguém gosta da tv paga, por que vão inventar uma tv paga no streaming?

    a tv paga é desse jeito, com vários canais que ninguém assiste para equilibrar o repasse do custo ao assinante. os preços em uma tv paga por blocos ou canais seria exatamente esses que estão sendo cobrados pelo streaming

    aí não consigo entender... só estão fazendo o que pediram... eheh


    Mais aí é que está... Quem disse que a gente vai sair assinando tudo o que é streaming? Essa é a velha mentalidade da tv por pacotes que está cauterizadas em nossas mentes. Precisamos nos livrar dessa mentalidade.

    Eu assinei somente o YouTube Premium e estou satisfeitíssimo. Não vou assinar Disney+, não tenho e não vou assinar Netflix e muito menos o Globoplay. Eles não vão usar mais a gente. O YouTube resolveu ficar de graça, então eles que se guerreiem pra lá, depois a gente vê o que sobreviveu e avalia se vale a pena assinar. Pra quê um monte de conteúdo que não assisto.

    Não, o streaming não vai sair mais caro que a tv por assinatura. Eu troquei um pacote mensal de R$ 279,40 por um de R$ 31,90 pra 6 contas no Youtube sem propaganda. Nem me lembro mais de tv paga.

    E quer saber? O modelo está tão desgastado e saturado que se meu pacote da tv por assinatura ficasse pelo mesmo preço da assinatura do YouTube, eu ficaria com o YouTube.

    De fato eu estava saturado da tv paga, de fato eu estou feliz com o bom uso do YouTube Premium.

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 12/12/2018 às 00:22
    Autor: Chaplin Offline

    Sim, estou pulando fora do Telecine Play. Não pega em celulares novos. E mesmo pegando em alguns aqui em casa, como no meu, não assisti nenhum filme sequer porque a programação que formatei no YouTube está muito interessante. Então, tchau Telecine Play. Ficarei só com a assinatura do YouTube Premium.

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 12/12/2018 às 10:20
    Autor: Delmarnori Offline

    Em 02/12/2018, brpolidoro escreveu:

    Bom, Disney e ESPN já estão no Playplus, e promete a dela própria, agora vai ser uma guerra de plataformas. Nossa.


    Quem está no Playplus são só os quatro canais ESPN lineares e os canais Disney lineares (Channel, Junior e XD). Não tem nada do Watch ESPN, programação recuperada do ESPN ou produções da Disney para assistir por streaming não linear.

    A tendência é que os streamings das produções próprias dos canais Disney migrem pro Disney+. Saindo do Netflix e de alguns serviços VOD.

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 12/12/2018 às 21:52
    Autor: r2reis Offline

    Assistir a programas pelo telefone irrita?
    PATRÍCIA KOGUT 12/12/2018 - 06H30

    Se você se sente frustrado quando tenta assistir a algum programa via streaming em horários de pico, não está sozinho. Não mesmo. Uma amiga que vive em Londres me diz que "à noite, o streaming na Inglaterra é medieval". Como na Era Medieval o mundo digital sequer existia, o leitor pode imaginar a que ela se refere. Esta semana, o Rapid TVNews.com publicou uma pesquisa que traduz essa frustração em números e mostra como esse quadro se repete em todos os lugares.

    Do total de participantes do estudo (feito pelo Penthera Inc.), 89% assistem a filmes e programas de televisão pelo telefone. Desses, 88% afirmam ter sentido algum grau de decepção por razões diversas. Foram elas: os vídeos demoraram a carregar, a transmissão engasgou, anúncios irromperam na tela durante a exibição, a qualidade do Wi-Fi atrapalhou e os serviços de streaming encareceram. O Reino Unido é o país europeu com maior consumo de programação por internet (89%), mas o Brasil também aparece no estudo, com 70% da população de adeptos. E o que acontece quando o consumidor não consegue assistir ao que deseja? Ele primeiro tenta de novo mais tarde (47%); depois, passa a explorar outras possibilidades de aplicativos (25%). Finalmente, cancela sua assinatura (20%). A maior fonte de insatisfação apontada pelos que participaram da pesquisa é a mesma no mundo inteiro: a demora em carregar os vídeos.

    Tudo isso faz pensar que o streaming ainda precisa comer muito feijão com arroz para fazer frente à qualidade técnica da televisão tradicional.

    Clique aqui

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 12/12/2018 às 23:14
    Autor: Chaplin Offline

    Em 12/12/2018, r2reis escreveu:

    Assistir a programas pelo telefone irrita?
    PATRÍCIA KOGUT 12/12/2018 - 06H30

    Se você se sente frustrado quando tenta assistir a algum programa via streaming em horários de pico, não está sozinho. Não mesmo. Uma amiga que vive em Londres me diz que "à noite, o streaming na Inglaterra é medieval". Como na Era Medieval o mundo digital sequer existia, o leitor pode imaginar a que ela se refere. Esta semana, o Rapid TVNews.com publicou uma pesquisa que traduz essa frustração em números e mostra como esse quadro se repete em todos os lugares.

    Do total de participantes do estudo (feito pelo Penthera Inc.), 89% assistem a filmes e programas de televisão pelo telefone. Desses, 88% afirmam ter sentido algum grau de decepção por razões diversas. Foram elas: os vídeos demoraram a carregar, a transmissão engasgou, anúncios irromperam na tela durante a exibição, a qualidade do Wi-Fi atrapalhou e os serviços de streaming encareceram. O Reino Unido é o país europeu com maior consumo de programação por internet (89%), mas o Brasil também aparece no estudo, com 70% da população de adeptos. E o que acontece quando o consumidor não consegue assistir ao que deseja? Ele primeiro tenta de novo mais tarde (47%); depois, passa a explorar outras possibilidades de aplicativos (25%). Finalmente, cancela sua assinatura (20%). A maior fonte de insatisfação apontada pelos que participaram da pesquisa é a mesma no mundo inteiro: a demora em carregar os vídeos.

    Tudo isso faz pensar que o streaming ainda precisa comer muito feijão com arroz para fazer frente à qualidade técnica da televisão tradicional.

    Clique aqui


    Nada!

    Aqui eu tenho 60mb Fibra Ótica. Roda tudo tranquilo a qualquer hora. Tive dois dias de internet ruim em 6 meses. Ou seja, foi algo muito pontual. No geral assisto pelo Chromecast, ou seja, usando o wi-fi. Essa moradora de Londres precisa assinar um pacote ao invés de usar internet pública. kkk

  • Avatar

    Mudança no Globosat Play - Será que vem sem assinatura de TV?

    Operadora
    Postado em: 13/12/2018 às 02:21
    Autor: Phoenix60 Offline

    Em 12/12/2018, Chaplin escreveu:
    Aqui eu tenho 60mb Fibra Ótica. Roda tudo tranquilo a qualquer hora. Tive dois dias de internet ruim em 6 meses. Ou seja, foi algo muito pontual. No geral assisto pelo Chromecast, ou seja, usando o wi-fi. Essa moradora de Londres precisa assinar um pacote ao invés de usar internet pública. kkk



    Como foi citado explicitamente "assistir no celular", fica a impressao que a materia nao está se referindo necessariamente ao sinal da internet fixa... (no caso de uso de internet fixa, nao faz muita diferença se voce usa um celular ou um aparelho de televisao preso na parede da sua casa).

    Pior ainda: quem assiste em celular, pode muito bem estar se movendo enquanto assiste, tornando o sinal mais instavel

    .


  • Páginas:
  • 1
  • 2
As publicações desta página são unicamente de responsabilidade de seus autores, de acordo com os Termos de Uso da TV Magazine.

Busca no Fórum

Agenda de Canais

  • Atualize-nos: informe a TV Magazine sobre sinais abertos, alterações de canais e line-ups na sua cidade, seja TV aberta ou paga.

Fale Conosco

Dúvidas, ideias, sugestões, elogios ou críticas?
Queremos ouvir você!

© 2018 - TV Magazine, todos os direitos reservados. Programação da TV fornecida por Revista Eletrônica.
Proibida a cópia parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização expressa.